São 30 anos, 21 longas, 14 médias, 31 curtas, 18 séries e mais de 200 episódios, em 7593 minutos de material produzido. Até o dia 21 de dezembro, a Casa de Cinema de Porto Alegre promove mostra comemorativa às suas três décadas de existência, disponibilizando 30 títulos em streaming gratuitamente, através do site da produtora. As produções selecionadas são disponibilizadas por uma semana na plataforma Vimeo, com a melhor qualidade de imagem disponível e alguns com opções de legendas em português, inglês e espanhol.

A seleção, feita pelos quatro atuais sócios da Casa de Cinema, Ana Luiza Azevedo, Giba Assis Brasil, Jorge Furtado e Nora Goulart, buscou contar de alguma maneira um pouco da história da produtora e de seus antigos sócios e parceiros. “Essa mostra é um agradecimento e uma homenagem às 3665 pessoas que fizeram os filmes da Casa de Cinema de Porto Alegre – 1082 atrizes e atores, 2583 artistas e técnicos responsáveis por nossas 119 produções em 30 anos. (Ainda não estão incluídos os projetos rodados em 2017, e que vão ser apresentados ano que vem). Em nome de todos, destacamos nossa equipe fixa atual, além dos mais assíduos frequentadores de nossas fichas técnicas, mulheres e homens que constroem o audiovisual brasileiro feito no Rio Grande do Sul”, declaram.

Encerrando a Mostra são apresentados os títulos de 2015 a 2017, além de uma pequena amostra do que está por vir em 2018. O público poderá conferir o longa-metragem de Jorge Furtado, “Real Beleza”, a série produzida para a SportTV, “A Olimpíada Passou por Aqui”, que reúne cinco episódios dirigidos por Cavi Borges, Christiana Alcazar e Roberto Berliner, Isabel Joffily e José Joffily, Maria Augusta Ramos e Rafael Figueiredo, e a série Grandes Cenas, com direção de Ana Luiza Azevedo e Vicente Moreno para o Canal Curta. Encerrando a mostra, na  quinta-feira, será possível conferir teasers dos longas-metragens  “Morto não fala”, direção de Dennison Ramalho, “Baleia”, dirigido por Esmir Filho”, e “Rasga Coração”, mais recente filme de Furtado.

Programação

Real beleza (2015)
Roteiro e Direção: Jorge Furtado

João é um fotógrafo à procura candidatas a modelo em cidades do interior gaúcho. João conhece uma jovem de rara beleza, Maria, e acaba se envolvendo com a mãe dela, Anita. O pai da menina, Pedro, não quer deixar que ela seja modelo. João se apaixona por Anita e agora quer levar embora mãe e filha.

Disponível de 18 a 24/dez (legendas em inglês)

A olimpíada passou por aqui (2016)
Direção: Rafael Figueiredo
Direção Geral: Ana Luiza Azevedo e Jorge Furtado

Episódio disponibilizado: 01 “Como ser herói” (25 min)

Em uma escola de Curicica, bairro da Zona Oeste do Rio de Janeiro, uma turma do 4º ano desenvolve uma série de atividades ligadas às Olimpíadas. “Como ser herói” revela como a expectativa com a proximidade dos jogos olímpicos interfere na rotina escolar dos alunos e desperta as crianças para questões como trabalho em equipe, competitividade, solidariedade e conhecimento sobre a cultura de outros países. A série é composta por cinco episódios para o canal SporTV.

Disponível de 19 a 25/dez

Grandes cenas (2017)
Direção e Roteiros: Ana Luiza Azevedo e Vicente Moreno

Episódios disponibilizados: 03 “Copacabana me engana” (18 min), 04 “Clube da lua” (17 min) e 06 “Eles não usam black-tie” (17 min)

Grandes cenas do cinema brasileiro e latino-americano analisadas por realizadores, atores e críticos. Apresentação de Matheus Nachtergaele. Série de 22 episódios produzida para o Canal Curta!.

/ O diretor Antônio Carlos da Fontoura expõe o processo que resultou na cena do retorno de Alfeu em Copacabana Me Engana (1968) e seu apreço pelo subtexto na cena.

/ O diretor argentino Juan José Campanella fala sobre a cena do banheiro em Clube da Lua (Luna de Avellaneda, 2004), uma situação cômica e trágica ao mesmo tempo.

/ A atriz Fernanda Montenegro e o montador Eduardo Escorel partilham memórias e percepções da cena do feijão em Eles Não Usam Black-tie (1981), de Leon Hirszman, um momento sensível em que o íntimo e o político se encontram.

Disponível de 20 a 26/dez (legendas em português)

O que está por vir

Morto não fala
Direção: Dennison Ramalho

Com Daniel de Oliveira, Fabiula Nascimento, Bianca Comparato, Annalara Prates, Cauã Martins, Marco Ricca, Anderson Vieira e Thiago Pirajira. Filmado em Porto Alegre, de 07/10 a 10/11/2016. Em fase de finalização

Baleia
Direção: Esmir Filho

Com Andrea Beltrão, Marina Lima, Ismael Caneppele, Alfredo Castro e Fernanda Pavanelli. Filmado em José Ignácio, Uruguai, entre agosto e setembro de 2017. Em fase de montagem

Rasga coração
Direção: Jorge Furtado

Com Marco Rica, Drica Moraes, George Sauma, João Pedro Zappa, Chay Suede, Luisa Arraes, Anderson Viera, Cinândrea Guterres, Kiko Macarenhas, Fabio Henriquez e Nelson Diniz. Filmado em Porto Alegre e Rio de Janeiro, de 07/11 a 05/12/2017. Em fase de montagem.

Para assistir, basta acessar o canal do Vimeo da Casa de Cinema de Porto Alegre no período indicado.

Leia mais

Comentrários

comentários

Pin It on Pinterest