O novo longa de Gabriel Mascaro, que conquistou o Prêmio Especial do Júri no 72º Festival Internacional de Cinema de Veneza no último dia 12, consegue mais um feito: encerra sua participação no 40º TIFF – Festival Internacional de Cinema de Toronto com uma menção honrosa. Antes da premiação, Mascaro definiu sua emoção: “exibir o filme na competição de Toronto – onde Claire Denis e Jia Zhang Ke são jurados – isso para mim já é um grande prêmio e uma linda conquista para dividir com a equipe depois de tanta energia coletiva empenhada nesse projeto”.

Pós Veneza, o diretor diz que “estar em Veneza foi um lindo acontecimento, mas sair com o prêmio  máximo da Mostra Horizonte, sessão que já revelou vários filmes que fizeram parte da minha formação, é algo sem palavras. Espero que o filme seja mais visto”.

Sobre a obra em si, Mascaro explica sua interpretação de Boi Neon. “O filme é para mim uma tentativa de atualizar o imaginário político e simbólico acerca da contemporização das relações humanas no Brasil em meio à recente onda de prosperidade econômica, em especial no Nordeste brasileiro, lugar onde nasci e desde sempre vivi”, destaca.

O diretor artístico do festival, Cameron Bailey, destacou o novo longa de Mascaro como um de seus favoritos. “Um dos meus favoritos é um filme chamado ‘Boi Neon’, de Gabriel Mascaro. Quando eu assisti, tive a mesma sensação quando vi pela primeira vez um filme do David Lynch. A sensação de estar sendo atraído para um mundo que é completamente novo e vendo coisas surpreendentes”, disse.

No geral, as críticas publicadas pela imprensa internacional especializada vêm sendo muito positivas. Confira duas delas:

HOLLYWOOD REPORTER

INDIE WIRE

Reconhecimento internacional

Boi Neon não para. No final do setembro, ele integra ainda a programação – também competitiva – do 11º Festival Internacional de Cinema de Zurique (Suíça); e, em outubro, estará na Premiére Brasil do Festival do Rio e no 23º Festival de Hamburgo (Alemanha).

E mais uma boa notícia para o cinema brasileiro é que sua venda para outros países continua a todo vapor: acaba de ter distribuição garantida também para Estados Unidos e Canadá, com lançamento previsto para 2016. No Brasil, Boi Neon terá distribuição garantida pela Imovison, também a partir de 2016. No entanto, quem quiser conferir a nova produção de Mascaro ainda este ano, é só marcar presença no Festival do Rio, que acontece entre 1º e 14 de outubro.

Sobre Boi Neon

Nos bastidores das vaquejadas, Iremar e um grupo de vaqueiros preparam os bois antes de soltá-los na arena. Levando a vida na estrada, o caminhão que transporta os bois para o evento é também a casa improvisada de Iremar e seus colegas de trabalho:  Zé, Negão, Galega (e sua filha Cacá).  O cotidiano é intenso e visceral, mas algo inspira novas ambições em Iremar: a recente industrialização e o pólo de confecção de roupas na região do semi-árido nordestino. Deitado em sua rede na traseira do caminhão, sua cabeça divaga em sonhos de lantejoulas, tecidos requintados e croquis. O vaqueiro esboça novos desejos.

No elenco do longa estão Juliano Cazarré (de Serra Pelada, A Festa da Menina Morta, série Alice/HBO e novela Avenida Brasil, entre tantos outros trabalhos) – como protagonista, Vinícius de Oliveira (mundialmente conhecido por sua atuação em Central do Brasil, ao lado de Fernanda Montenegro) e Maeve Jinkings (de O Som ao Redor, Falsa Loura e Amor Plástico e Barulho, longa esse que lhe rendeu indicações e prêmios de melhor atriz).

Ficha técnica

Diretor I Gabriel Mascaro

Produtora I Rachel Ellis

Co-Produtores I Sandino Saravia & Marleen Slot

Produtores Executivos I Rachel Ellis, Sandino Saravia & Marleen Slot

Preparadora de Elenco I Fatima Toledo

Produtor Associado I Tiago Melo

Roteiro I Gabriel Mascaro

Colaboradores de Roteiro I Marcelo Gomes, Cesar Turim & Daniel Bandeira

Diretor de Fotografia I Diego Garcia

Assistente de Direção I Marcelo Caetano

Editores I Fernando Epstein & Eduardo Serrano

Diretora de Produção I Livia de Melo

Diretora de Arte I Maíra Mesquita

Figurino | Flora Rabello

Som Direto I Fabian Oliver

Trilha Sonora Original | Otávio Santos, Cláudio N & Carlos Montenegro

Edição e Design de Som I Mauricio d’Orey

Mixagem I Vincent Sinceretti

Comentrários

comentários

Pin It on Pinterest

Share This